Notícias

Ailton Silva Favacho – Testemunho 100 anos

Sou Ailton Silva Favacho, tenho 40 anos de idade e sou de Soure, na Ilha de Marajó, no Estado do Pará. Há 13 anos sou professor no Instituto Stella Maris, porém essa história começa no ano de 1985, quando, aos 5 anos de idade, eu me tornei aluno desse Colégio. A partir daí, considero que construí, com a ajuda das Irmãs Agostinianas, com a educação de qualidade, com a Promoção Humana, uma trajetória, para mim, de muito sucesso. Hoje, já estou no meu quarto emprego, entrei na Faculdade muito cedo, passei em concursos públicos ainda muito jovem, e tudo isso fez a minha vida se transformar.

Atualmente, além de professor, tenho uma carreira artística, contribuo com o meu bairro através de uma Associação da qual fui fundador há 12 anos; há 11 anos, fundei um Cursinho denominado Paulo Freire, no qual reúne amigos professores, e já ajudamos mais de 400 jovens a entrarem na Universidade. Tudo isso eu destaco porque é, com certeza, resultado da boa educação que eu recebi no colégio Stella Maris. 

Então, o que eu tenho a dizer a vocês, acima de tudo é: MUITO OBRIGADO! MUITO OBRIGADO, Irmãs Agostinianas! MUITO OBRIGADO, Congregação das Irmãs Agostinianas! Afinal, o trabalho de vocês tem transformado a vida de muitas pessoas, assim como transformou a minha. Por isso, eu agradeço bastante, espero que vocês sejam, cada vez mais, iluminadas e fortalecidas por Deus, porque a Missão de vocês é muito importante e transforma muitas situações, como ocorre aqui em Soure, no Arquipélago de Marajó, no Estado do Pará.

Ailton Silva Favacho

Fotos

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Compartilhe!